Na noite de ontem, (21), terça feira, um cidadão de 38 anos procurou a delegacia de polícia relatando aos investigadores de plantão na 1DP que no período da tarde recebeu uma mensagem (via Whatsapp) onde supostos integrantes de uma facção criminosa havia recebido a quantia de 15 mil reais para mata-lo, isso porque, segundo os suspeitos, ele (comunicante) estaria conversando no Facebook com uma mulher de um dos integrantes da facção.

Segundo o comunicante os suspeitos disseram ainda que se ele quisesse viver teria que realizar a transferência de R$ 2.280,00 (dois mil duzentos e oitenta reais) em uma conta repassada por eles.

O cidadão contou que temendo pelo pior realizou algumas transferências, sendo nos valores de R$ 280,00 (duzentos e oitenta reais), R$ 1.000,00 (mil reais), R$ 200,00 (duzentos reais) e R$ 800,00 (oitocentos reais),

Diante da situação ele compareceu na delegacia de polícia para comunicar o fato e pedir providências.

A Polícia Judiciária Civil segue investigando o caso.