20190209095909.jpg

A faca apreendida pela PM ainda suja de sangue

No clareá do dia deste sábado, 09/02, por volta das 05:30Hs, a Policia Militar realizando rondas ostensivas pela movimentada Avenida Tancredo Neves e quando passavam próximo ao bar do balbino, foram abordados por uma senhora de iniciais D.A.N. que estava desesperada, informando que na sua residência, ao lado do bar, o seu ex cunhado, de iniciais R.H.G. de 41 anos, estava armado com uma 'pexeira' (faca) e tentando matar a sua irmã, de iniciais B.C.N. de 23 anos e que o seu irmão estava segurando o suspeito para evitar o pior.

Após ouvirem o relato da comunicante os policiais foram até a referida casa, chegando lá constataram a veracidade dos fatos, encontrando o irmão da senhora D.A.N., segurando o suspeito, com isso, os policiais imediatamente ordenaram para que o mesmo soltasse a faca e colocasse as mãos na cabeça, em seguida foi dada a voz de prisão ao suspeito, depois os policiais avistaram a vítima, (B.C.N.), que se encontrava sangrando na região abdominal, então, acionaram a guarnição do corpo de bombeiros que rapidamente compareceu no local e encaminhou as pressas a vítima até o hospital regional para receber cuidados médico.

Segundo informações a situação da vítima é estável.

O suspeito foi encaminhado até o CISC para as devidas providências.