Na manhã de ontem, (23), terça feira, investigadores da 1DP de Cáceres atendendo o chamado de uma vítima e prenderam três indivíduos integrantes de uma associação criminosa, dentre eles, um policial militar da reserva remunerada, que haviam determinado, mediante grave ameaça e dizendo que pertenciam ao CV/MT e que a vítima e o esposo só iriam vender jogos do bicho para o grupo criminoso a que eles pertencem, caso contrário, teriam que fechar as portas ou seriam mortos.

Após as ameaças as vítimas conseguiram memorizar a placa do veículo usado pelos criminosos, posteriormente repassaram aos policiais civis que de imediato realizaram a prisão deles, ainda nas proximidades da extorsão.

Segundo a polícia, com os indivíduos foram apreendidos celulares, máquinas de passar cartão e bilhetes usados nas apostas do bicho.

O caso foi encaminhado ao delegado de policia e coordenador do CISC, Dr. Wilson Souza Santos, que autuou todos em flagrante pelos crimes de associação criminosa e extorsão.

Durante a lavratura do procedimento os investigadores encontraram mais uma vítima de criminosos ligados a essa quadrilha, informações dão conta que o propósito da quadrilha era o domínio do jogo do bicho na cidade.

Estão presos os suspeitos de iniciais D.S.G. de 20, (morador de Sinop), A.J.C. de 50, (morador de Cáceres) e J.C.J.S. de 36 anos, (morador de Alta Floresta).

Todos se encontram presos à disposição da justiça.