31162615(1)(1).jpg

Na madrugadinha de hoje, 18/06 (domingo), por volta das 04:00Hs, uma cidadã de iniciais C.R.S. de 58 anos, acionou o telefone dos desesperados "190" para queixar de um roubo que sofreu minutos atrás, no momento em que esperava um ônibus na rodoviária José Palmiro da Silva, na saída da cidade.

VAI VENNNNNNNNDO

Diante da solicitação a rádio patrulha imediatamente correu pro local do fato, chegando lá, conversaram com a vítima, onde ela, ainda abalada com a ação criminosa, disse que se encontrava na referida rodoviária esperando sua condução quando de repente chegou 02 indivíduos em uma motoca, de cor escura (não lembrando o modelo), sendo que um era moreno, magro, estatura mediana e com um revólver na mão, já o seu companheiro de SERVIÇO, o piloto da motoca, era moreno e baixinho, e que os 02 estavam usando camisa de manga loga, de cor escura, que pararam em frente a rodoviária e apenas o sujeito que estava na garupa desceu já com a arma de fogo na mão e anunciou o roubo, mandando ela não reagir senão iria atirar.

Diante desse atropelo medonho, fazer oque ? o jeito foi entregar a bolsa pro malandro, que continha em seu interior todos os seus documentos pessoais, cartões do banco (com senha anotada), 01 celular de marca LG e 500 contos em dinheiro.

A vítima disse ainda que depois de ser depenada, saqueada, a dupla de ladrões.........................fugiram em disparada, sumindo na escuridão da madrugada.